Prêmios

Conheça a trajetória de sucesso

de Moraes Pitombo Advogados

Premiações

Moraes Pitombo

O trabalho do nosso escritório de advocacia

acabou por ser reconhecido, ao recebermos

muitos prêmios aqui e no exterior. Por tratar-se

de modelo inovador de combinação de

contencioso criminal e cível com gestão

profissional, alcançamos padrão de

trabalho, organização e de atendimento

que chamou atenção dos analistas do

setor da advocacia.

DEALMAKERS – COUNTRY AWARDS

Moraes Pitombo Advogados foi destaque pelo terceiro  ano como empresa de

Direito Penal do ano de 2018, pela renomada revista DealMakers –Country Awards 2018.

LAWYER  INTERNATIONAL

LEGAL 100

Antônio Sérgio A. de Moraes Pitombo, a partir de pesquisa mundialmente realizada pela conceituada Instituição Legal Comprehensive, foi escolhido como um dos 100 melhores advogados em 2018.

GLOBAL LAW EXPERTS

Antônio Sérgio A. de Moraes Pitombo é reconhecido por sua excelência na categoria Business Crime Lawyer in Brazil.

International Bar Association

Moraes Pitombo Advogados participa do International Bar Association (IBA). Inspirados pela visão da Organização das Nações Unidas (ONU) e com o objetivo de apoiar a criação de leis e a administração da justiça em todo o mundo, representantes de 34 associações nacionais de advogados se reuniram em Nova York, em 17 de fevereiro de 1947, para criar a International Bar Association (IBA).

LAWYERS WORLD GLOBAL AWARDS

Moraes Pitombo Advogados foi destaque como melhor escritório de advocacia em 2018 nas categorias “White Collar Crime Law Firm of the Year in Brazil” e “Crime Law Firm of the Year in Brazil”. A premiação reconhece um número seleto de escritórios de advocacia, baseando-se nas áreas de especialização e localização geográfica, após avaliação criteriosa da equipe de especialistas e votação do público ao longo de 12 meses.

CORPORATE INTL MAGAZINE LEGAL AWARD

Moraes Pitombo Advogados foi eleito como melhor escritório de advocacia em 2018 na categoria “White Collar Crime Law Firm of the Year in Brazil”. A decisão foi baseada em informações de domínio público e sugestões de clientes e outros profissionais. Desde o ano de 2005, a Corporate Intl. se estabeleceu como uma das principais publicações mensais para líderes de negócios e consultores em todo o mundo.

TOP 50 GLOBAL FIRM

Moraes Pitombo Advogados, a partir de pesquisa mundialmente realizada pela conceituada Instituição Legal Comprehensive, foi escolhido como um dos 50 melhores escritórios em 2018.

TOP 100 Lawyers

Antônio Sérgio A. de Moraes Pitombo, a partir de pesquisa mundialmente realizada pela conceituada Instituição Legal Comprehensive, foi escolhido como um dos 100 melhores advogados em 2016 e 2017.

Corporate Intl Magazine

Legal Award

Moraes Pitombo Advogados foi eleito

pela 2017 Corporate Intl Magazine Legal

Award como melhor escritório de advocacia

na categoria “White Collar Crime Law Firm

of the Year in Brazil. A decisão foi baseada

em informações de domínio público e

sugestões de clientes e outros profissionais.

Desde o ano de 2005, a Corporate Intl. se

estabeleceu como uma das principais

publicações mensais para líderes de negócios

e consultores em todo o mundo.

Lawyers World

Global Awards

Moraes Pitombo Advogados foi destaque como

melhor escritório de advocacia nas categorias “White

Collar Crime Law Firm of the Year in Brazil”

e “Crime Law Firm of the Year in Brazil”.

A premiação reconhece um número seleto de

escritórios de advocacia, baseando-se nas áreas

de especialização e localização geográfica,

após avaliação criteriosa da equipe de

especialistas e votação do público ao longo de 12 meses.

DealMakers – Country Awards

Moraes Pitombo Advogados foi destaque

pelo segundo ano consecutivo como

empresa de Direito Penal do ano de 2016,

pela renomada revista DealMakers –

Country Awards 2016.

Global Law Experts

Practice Area Awards

Moraes Pitombo Advogados foi escolhido

como melhor escritório na categoria White

Collar Crime Law Firm of the Year no Brasil

– 2016 no Global Law Experts Practice Area

Awards. O Global Law Experts (GLE) realizou

extenso processo de pesquisa para eleger os

vencedores da Annual Global Law Experts

Awards. As empresas finalistas foram

avaliadas por meio da análise de depoimentos

de clientes, casos notórios dos últimos 12

meses, rankings legais, reputação geral,

publicações e palestras, bem como pela

análise do desempenho de cada um dos

advogados da equipe.

LegalComprehensive.com

Dr. Antônio S. Altieri de Moraes Pitombo,

através de uma pesquisa mundialmente

realizada pela conceituada Instituição

LegalComprehensive, foi escolhido entre

os 100 advogados mais admirados no ano

de 2016.

GLOBAL LAW EXPERTS

Moraes Pitombo Advogados foi escolhido

como melhor escritório na categoria White

Collar Crime Law Firm of the Year no Brasil –

2015 no Global Law Experts Practice Area

Awards. O Global Law Experts (GLE) realizou

extenso processo de pesquisa para eleger

os vencedores da Annual Global Law

Experts Awards.

DEAL MAKERS

MONTHLY

Moraes Pitombo Advogados foi destaque

como empresa de Direito Penal do ano

de 2015, pela renomada revista DealMakers –

Country Awards 2015.

HG. ORG.

Moraes Pitombo Advogados participa

na HG.org, um dos primeiros websites de

informação sobre assuntos legais e políticos,

fundado em janeiro de 1995 pelo Lex Mundi,

uma grande rede de escritórios de advocacia

independentes. O objetivo HG.org é fazer com

que a lei, o governo e informações

relacionadas estejam ao alcance de

advogados, empresas e consumidores.

CORPORATE INTL

GLOBAL AWARDS

WINNER

Moraes Pitombo Advogados foi eleito pela

2013 Corporate Intl Magazine Legal Award

como melhor escritório de advocacia na

categoria “White Collar Crime Law Firm

of the Year in Brazil. A decisão foi baseada

em informações de domínio público e

sugestões de clientes e outros profissionais.

Desde o ano de 2005, a Corporate Intl.

se estabeleceu como uma das principais

publicações mensais para líderes de negócios

e consultores em todo o mundo.

ICLG

Dr. Antônio S. Altieri de Moraes Pitombo

publicou na Revista ICLG artigo sobre “The

New Anti-Money Laundering Law and its

International Aspects Chapter – Business

Crime 2013”. A série ICLG fornece informação

legal comparativa, atual e prática em uma

variedade de áreas de atuação. Cada guia

reúne a experiência coletiva de seus

colaboradores para fornecer uma fonte valiosa e

prática do direito, atualizada anualmente.

WHO’SWHOLEGAL

Moraes Pitombo Advogados foi escolhido

“Consultor do Ano” na edição 2013 WHO’S WHO

Edition Lawful, selecionado entre centenas de

outros membros. T A Intercontinental

Who´s Who foi criado para homenagear e reconhecer

profissionais de todo o mundo por seu sucesso

e realização em suas áreas de atuação.

MARTINDALE.COM

Moraes Pitombo Advogados participa na

Martindale – Hubbel, como um dos maiores

escritórios especialista na área de crimes

econômicos no Brasil. O Martindale.com é um

líder local para profissionais da área jurídica,

com 20 milhões de visualizações a cada ano.

GLOBAL

LAW

EXPERTS

Moraes Pitombo Advogados foi escolhido

como melhor escritório na categoria White

Collar Crime Law Firm of the Year no Brasil –

2013 no Global Law Experts Practice Area

Awards. O Global Law Experts (GLE), realizou

um extenso processo de pesquisa para os 2013

Global Law Experts Practice Area Awards. As

empresas finalistas foram avaliadas por meio

da análise de depoimentos de clientes, casos

notórios dos últimos 12 meses, rankings legais,

reputação geral, publicações e palestras, bem

como pela análise do desempenho de cada um

dos advogados da equipe.

THE LAWYER NETWORK

O escritório Moraes Pitombo Advogados foi

selecionado pelo departamento de pesquisa

do Lawyer Network como um dos maiores

especialistas no Brasil em crime econômico.

The Lawyer Network é uma ferramenta de

negócios global de última geração que se

presta a auxiliar empresários e investidores

na busca por um advogado, de acordo com

suas exigências específicas

ACQUISITION

INTERNATIONAL

Moraes Pitombo Advogados foi reconhecido

como grande especialista em crimes

transnacionais e, por conta disso, a Acquisition

International nos convidou para integrar

seu painel de especialistas. Acquisition

International é uma revista de publicação

mensal, da AI Global Media Ltd, editora 

que tem revigorado as notícias e matérias

sobre finanças corporativas.

WHO’S WHO LEGAL

O escritório Moraes Pitombo Advogados foi

escolhido pela Who´s Who para integrar o

seleto grupo de advogados com experiência

na representação de empresas, órgãos sociais

e indivíduos em casos criminais decorrentes

de suas atividades empresariais. O foco da

pesquisa foi a prática dos profissionais em

julgamentos de crimes de colarinho branco, a

experiência em lidar com as investigações e

processos judiciais, bem como em aconselhar

os clientes acerca de suas atividades e sua

respectiva conformidade com os novos

regimes jurídicos.

IBA

MEMBERSHIP

Moraes Pitombo Advogados participa do

International Bar Association (IBA). Inspirados

pela visão da Organização das Nações Unidas

(ONU) e com o objetivo de apoiar a criação de

leis e a administração da justiça em todo o

mundo, representantes de 34 associações

nacionais de advogados se reuniram em Nova

York, em 17 de fevereiro de 1947, para criar a

International Bar Association (IBA).

ANÁLISE

ADVOCACIA

Pela nona vez consecutiva, Moraes Pitombo

Advogados é apontado pelas grandes

empresas como um dos escritórios mais

admirados do país.

LEADING ACQUISITION

INTERNATIONAL ADVISER

Moraes Pitombo Advogados foi listado como

um dos principais escritórios especialistas em

Direito Criminal no Brasil. Cada escritório de

advocacia que participa na Q1 Review tem uma

seção dedicada a promover conteúdos

relacionados à sua área.

DEALMAKERS

COUNTRY AWARDS

Moraes Pitombo Advogados foi destaque

como melhor escritório de advocacia

nas categorias “White Collar Crime Law

Firm of the Year in Brazil” e “Crime

Law Firm of the Year in Brazil” do ano

de 2017, pela renomada revista

DealMakers – Country Awards 2017.

Start typing and press Enter to search

pt_BR
en_US pt_BR
Antônio Sergio Altieri de Moraes Pitombo

Graduado em Direito, pela Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo (USP), em 1993.

Especializado em Direito Processual Civil, pelo Centro de Extensão Universitária, em 1994.

Mestre em Direito Penal, pela Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo (USP), em 2000, com a dissertação A tipicidade do crime antecedente no delito de lavagem de dinheiro.

Doutor em Direito Penal, pela Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo (USP), em 2007, com a tese A Tipificação da Organização Criminosa.

Pós-Doutor em Democracia e Direitos Humanos – Direito, Política, História e Comunicação pelo Ius Gentium Coninbrigae da Faculdade de Direito da Universidade de Coimbra.

Autor da obras:
 Lavagem de dinheiro: a tipicidade do crime antecedente. São Paulo: Editora Revista dos Tribunais, 2003.
Organização Criminosa - Nova perspectiva do tipo legal. São Paulo: Editora Revista dos Tribunais, 2009.
20 Anos, Liberdade – Duas décadas de escritos sobre advocacia, prisão e liberdade São Paulo: Editora Singular. 2015

Coordenador dos livros coletivos: Juizados especiais criminais: interpretação e crítica. São Paulo: Editora Malheiros, 1997; e Comentários à Lei de Recuperação de Empresas e Falência. São Paulo: Editora Revista dos Tribunais, 2005.

Autor de vários artigos em jornais, revistas e coletâneas especializadas em direito e processo penal.

Membro do Instituto dos Advogados Brasileiros (IAB), do Instituto Brasileiro de Ciências Criminais (IBCCrim); do Instituto Manoel Pedro Pimentel, ligado ao Departamento de Direito Penal, Criminologia e Medicina Forense, da Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo; da National Association of Criminal Defense Lawyers; da Association Internationale de Droit Pénal; e da Association Internationale des Avocats de la Défense.

Línguas: português e inglês.

Site Pessoal
Cláudio Mauro Henrique Daólio

Graduado em Direito, pela Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo (USP), em 1999.

Mestre em Direito Processual Civil, pela Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo (USP), em 2007, com a dissertação Mandado de Segurança: Análise Processual, Sob o Prisma da Efetividade da Tutela Jurisdicional.

Doutor em Direito Processual Civil, na Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo (USP).

Cursou especialização em Direito Processual Civil, no Centro de Extensão Universitária (CEU).

Membro do Instituto Brasileiro de Direito Processual e da Associação dos Advogados de São Paulo.

Autor de artigos em matéria processual em publicações especializadas.

Línguas: português e inglês.
Guilherme Alfredo de Moraes Nostre

Graduado em Direito, pela Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo (USP), em 1993.

Mestre em Direito Penal, pela Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo (USP), em 2001, com a dissertação Aspectos jurídicos-penais da bioética.

Doutor em Direito Penal, pela Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo (USP), em 2007, com a tese Direito Penal das Águas. Professor universitário.

Atuou como professor assistente voluntário (1997-2000) de Direito Penal, na Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo (USP), lecionando Direito Penal e Legislação Penal Especial.

Membro do Instituto Brasileiro de Ciências Criminais (IBCCrim) e do Instituto Manoel Pedro Pimentel, do Departamento de Direito Penal, Criminologia e Medicina Forense, da Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo (USP).

Co-autor da obra Comentários à Lei de Recuperação de Empresas e Falência, publicada pela editora Revista dos Tribunais, em 2005.

Autor de vários artigos em matéria criminal em jornais e revistas especializados. Consultor jurídico da revista Supervarejo, publicada pela Associação Paulista dos Supermecados (APAS).

Línguas: português e inglês.
Leonardo Magalhães Avelar

Graduado em Direito, pela Faculdade de Direito da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP), em 2003.

Pós-Graduado em Direito Penal Econômico Internacional, pelo Instituto Brasileiro de Ciências Criminais e Instituto de Direito Penal Econômico e Europeu da Universidade de Coimbra, Portugal, em 2004.

Pós-Graduado em Direito Penal Econômico, pela Fundação Getúlio Vargas (FGV-SP), em 2008.

Pós-Graduado em Direito Digital, pelo Instituto Internacional de Ciências Sociais (IICS), em 2014.

Pós-Graduando em Administração e Planejamento Estratégico, pela Fundação Getúlio Vargas (FGV-SP).

Coautor da Obra "Código Penal Interpretado", Coordenado por Costa Machado e David Teixeira de Azevedo e Publicado pela Editora Manole, Atualmente na 8ª Edição.

Membro do Instituto Brasileiro de Ciências Criminais (IBCCrim).

Línguas: português e inglês.
Flavia Mortari Lotfi

Graduada em Direito, pela Faculdade de Direito da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP), em 2005.

Especialista em Direito Penal Econômico, na Fundação Getúlio Vargas (FGV-SP) em 2008.

Especialista em Direito Penal Econômico Internacional pelo Instituto Brasileiro de Ciências Criminais e Instituto de Direito Penal Econômico e Europeu da Universidade de Coimbra-Portugal, em 2008.

Mestre em Direito Comercial e Societário, pela Universidade de Londres, Inglaterra, em 2012.

Profissional Certificada de Compliance e Ética (CCEP) pela Society of Corporate and Ethics Compliance (SCCE).

Membro do Instituto Brasileiro de Ciências Criminais (IBCCrim).

Membro da Society of Corporate Compliance and Ethics (SCCE).

Línguas: português e inglês.
Isabel de Araujo Cortez

Graduada em Direito, pela Faculdade de Direito da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP), em 2004.

Especialista em Direito Processual Civil, pela Faculdade de Direito da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP), com a monografia  “Repercussões da Lei nº11.232/2005 no conceito e cumprimento de sentença”, em 2008.

Curso de Extensão “Contencioso Empresarial e suas estratégias”, na Faculdade de Direito da Fundação Getúlio Vargas (FVG-SP), em 2012.

Curso de Extensão “ Elaboração de Contratos e Técnicas de Negociação” , no Instituto Internacional de Ciências Sociais – Escola de Direito (IICS-CEU), em 2012. Mestranda em Direito Processual Civil, na Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo (USP).

Línguas: português e inglês.
Thiago Fernandes Conrado

Graduado em Direito, pela Faculdade de Direito da Universidade Presbiteriana Mackenzie, em 2008.

Pós-Graduando em Direito e Tecnologia da Informação, pela Universidade de São Paulo.

Curso de Extensão International Summer School in IT-Law, ministrado pela Universidade de Hannover, Alemanha, sob coordenação do Professor Dr. Nikolaus Forgó, em 2014.

Curso de Extensão “Direito e Internet”, no Instituto Internacional de Ciências Sociais (IICS), em 2014.

Curso de Especialização em Direito Tributário Latu Senso, pela Pontifícia Universidade Católica – PUC/SP, em 2011.

Línguas: português e inglês.
Beatriz de Oliveira Ferraro Caloi

Graduada em Direito, pela Faculdade de Direito da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC), em 2008.

Especialista em Direito Penal Econômico, pela Fundação Getúlio Vargas (FGV). Membro do Instituto Brasileiro de Ciências Criminais – IBCCrim.

Membro do Instituto de Defesa do Direito de Defesa – IDDD.

Línguas: português e inglês.
Renato Duarte Franco de Moraes

Graduado em Direito, pela Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo- USP, em 2003.

Mestrado em Direito na Faculdade de Direito da Universidade de Cambridge, Inglaterra, em 2009.

Mestrando em Direito Civil, pela Universidade de São Paulo.

Línguas: português, inglês, e italiano.
Julia Thomaz Sandroni

Graduada em Direito pela Universidade Cândido Mendes-Centro, em 2006.



Mestre em Direito Penal, pela Faculdade de Direito da Universidade de Coimbra – Portugal, em 2012, com a dissertação "O ne bis in idem transnacional".

Realizou a especialização em Direito Penal Econômico Europeu, pela Faculdade de Direito da Universidade de Coimbra, em 2010.


Realizou o curso “Igualdade Social e Direito: Consideração Comparativa sobre Raça, Etnia e Classe”, ministrado na Universidade Cândido Mendes, na língua inglesa, por professores de universidades da California, U.S.A, em 2009.

Membro do Instituto Brasileiro de Ciências Criminais (IBCCrim).



Línguas: português, inglês e italiano.
Lara Mayara da Cruz

Graduada em Direito, pela Faculdade de Direito da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP), em 2010.

Especialista em Direito Penal Econômico, pela Fundação Getúlio Vargas (FGV-SP), em 2013. Curso de Extensão “Direito e Internet”, na Escola de Direito do Instituto Internacional de Ciências Sociais (CEU-IICS), em 2014.

Pós-graduada em Direito Penal Econômico, pelo Instituto Brasileiro de Ciências Criminais (IBCCrim) e Instituto de Direito Penal Econômico e Europeu (IDPEE) da Universidade de Coimbra, em 2015.

Membro do Instituto Brasileiro de Ciências Criminais (IBCCrim).

Línguas: português e inglês.
Carolina da Silva Leme

Graduada em Direito, pela Faculdade de Direito da Universidade Presbiteriana Mackenzie, em 2010.

Especialista em Direito Penal Econômico Internacional, pelo Instituto Brasileiro de Ciências Criminais e Instituto de Direito Penal Econômico Europeu da Universidade de Coimbra, Portugal, em 2012.

Especialista em Direito Processual Penal e Crimes Econômicos Internacional, pela Fundação Getúlio Vargas, Brasil, em 2014. Especialista em Corrupção, Crime Organizado e Terrorismo, pela Universidad de Salamanca, Espanha, em 2016.

Línguas: português, inglês e espanhol.
Cintia Barretto Miranda

Graduada em Direito pela Faculdade Metropolitanas Unidas - FMU, em 2006.

Especialista em Direito Empresarial pela Fundação Getúlio Vargas (FGV-SP), em 2014.

Línguas: português e inglês.
Rafael Silveira Garcia

Graduado em Direito, pela Faculdade de Direito da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP), em 2011.

Especialista em Direito Processual Civil, pela Faculdade de Direito da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP), com a monografia “O efeito suspensivo nos embargos de declaração sob a perspectiva do novo código de Processo Civil”, em 2014.

Línguas: português e inglês.
Barbara Salgueiro de Abreu

Graduada em Direito, pela Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo (USP), em 2011.

Pós-graduada em Direito Penal Econômico pelo Instituto Brasileiro de Ciências Criminais e pelo Instituto de Direito Penal Econômico e Europeu da Universidade de Coimbra - Portugal, em 2012.

Especialista em Direito Penal Econômico, pela Fundação Getúlio Vargas (FGV-SP), em 2015.

Membro do Instituto de Defesa do Direito de Defesa – IDDD.

Línguas: português e inglês.
Bruna Anchieta Ribeiro

Graduada em Direito, pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC), em 2012.

Curso de Extensão “Direito Digital Aplicado”, na Faculdade de Direito da Fundação Getúlio Vargas (FVG-SP), em 2013.

Curso de Extensão “Direito e Internet”, no Instituto Internacional de Ciências Sociais – Escola de Direito (IICS-CEU), em 2014.

Curso de Extensão “O Novo Código de Processo Civil e as Reformas Processuais”, na Faculdade de Direito da Fundação Getúlio Vargas (FVG-SP), em 2015.

Línguas: português, inglês e espanhol.
Daniel Ribeiro da Silva Aguiar

Graduado em Direito, pela Faculdade de Direito da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ), em 2012.

Extensão em Advocacia Criminal, pela Escola Superior de Advocacia (ESA), em 2011.

Especializado em Direito Processual, pela Faculdade de Direito da Universidade Federal Fluminense (UFF), em 2016.

Mestre em Direito Penal, pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ), em 2017, com a dissertação “A tipicidade da corrupção ativa no Direito brasileiro”.

Extensão em Ciências Criminais na Georg-August Universität Göttingen, na Alemanha, em 2018.

Em 2013, foi Professor substituto da Faculdade de Direito da Universidade do Estado do Rio de Janeiro, nas cadeiras: Prática Forense Penal e Núcleo de Prática Jurídica. Em 2016, lecionou, em prática docente, a disciplina: Direito Penal Econômico.

Membro da Comissão de Criminologia (CCRI) da Ordem dos Advogados do Brasil – RJ, no triênio 2013/2015

Línguas: português, inglês e francês.
Mariel Linda Safdie

Graduada em Direito, pela Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo (USP), em 2013.

Curso de Extensão “Direito e Internet” , no Instituto Internacional de Ciências Sociais – Escola de Direito (IICS-CEU), em 2014.

Línguas: português, inglês e francês
André Felipe Pellegrino

Graduado em Direito, pela Universidade Presbiteriana Mackenzie, em 2011.

Pós-graduado em Direito Penal Econômico no Instituto Brasileiro de Ciências Criminais – IBCCrim - 2014.

Pós-graduado em Direito Penal Econômico pela Fundação Getúlio Vargas-SP – 2016. Membro do Instituto Brasileiro de Ciências Criminais – IBCCrim.

Integrante do Conselho Editorial do Boletim do Instituto Brasileiro de Ciências Criminais (IBCCRIM)

Membro da Associação dos Advogados de São Paulo – AASP.

Membro do Instituto de Defesa do Direito de Defesa – IDDD.

Línguas: português e inglês.
Vivian Paschoal Machado

Graduada em Direito, pela Faculdade Autônoma de Direito de São Paulo (FADISP), em 2011.

Especialista em Direito Penal Econômico, pela Fundação Getúlio Vargas (FGV/SP) (2015).

Membro do Instituto Brasileiro de Ciências Criminais (IBCCrim).

Línguas: português e inglês.
Mariana Siqueira Freire

Graduada em Direito pela Escola de Direito da Fundação Getúlio Vargas - FGV.

Curso de Extensão “O Novo Código de Processo Civil e as Tendências das Reformas Processuais”, na Escola de Direito da Fundação Getúlio Vargas - FVG, em 2014.

Pós-graduanda em Direito dos Contratos na Escola de Direito da Fundação Getúlio Vargas - FGV.

Línguas: português, inglês e espanhol.
Fabiana Sadek de Olyveira

Graduada em Direito, pela Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo (USP), em 2010.

Especialista em Direito Penal pela Universidade de Barcelona (UB) e pela Universidade Pompeu Fabra (UPF), em 2013.

Membro do Instituto Brasileiro de Ciências Criminais – IBCCrim.

Línguas: português, inglês, espanhol e francês.
Felipe Padilha Jobim

Graduado em Direito pela Faculdade Nacional de Direito da Universidade Federal do Rio de Janeiro, em 2014.

Pós-graduado em Processo Penal e Garantias Fundamentais pela Academia Brasileira de Direito Constitucional.

Pesquisador do Grupo Matrizes Autoritárias do Processo Penal - Prova Penal e Sistema de Controles Epistêmicos, da Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Línguas: português e inglês
Juliana de Castro Sabadell

Graduada em Direito, pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC), em 2014.

Pós-graduada em Processo Penal pelo Instituto Brasileiro de Ciências Criminais – IBCCrim, em convênio com o Instituto de Direito Penal Económico e Europeu (IDPEE) da Faculdade de Direito da Universidade de Coimbra, em 2015.

Especialista em Direito Penal Econômico, pela Fundação Getúlio Vargas (FGV-SP), em 2017.

Curso de Extensão “Delação Premiada”, pela Fundação Getúlio Vargas (FGV-SP), em 2017.

Membro do Instituto Brasileiro de Ciências Criminais – IBCCrim.

Membro do Instituto de Defesa do Direito de Defesa – IDDD.

Línguas: português e inglês.
Marília Donnini

Graduada em Direito, pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo – SP (PUC-SP), em 2014.

Pós-graduada em Processo Penal, pelo Instituto Brasileiro de Ciências Criminais – IBCCRIM, em convênio com o Instituto de Direito Penal Econômico e Europeu (IDPEE) da Faculdade de Direito da Universidade de Coimbra, em 2015.

Pós-graduada em Direito Penal Econômico pela Fundação Getúlio Vargas – SP, em 2017.

Membro do Instituo Brasileiro de Ciências Criminais – IBCCrim.

Línguas: português e inglês.
Stephan Gomes Mendonça

Graduado em Direito, pela Universidade Presbiteriana Mackenzie, em 2013.

Pós-graduado em Teoria Geral do Crime pelo Instituto Brasileiro de Ciências Criminais – IBCCrim, em convênio com o Instituto de Direito Penal Económico e Europeu (IDPEE) da Faculdade de Direito da Universidade de Coimbra, em 2013.

Pós-graduado em Direito Penal Econômico pela Fundação Getúlio Vargas-SP, em 2015.

Integrante da Comissão de Direito Penal Econômico da seccional paulista da Ordem dos Advogados do Brasil. Membro do Instituto Brasileiro de Ciências Criminais – IBCCrim.

Membro da Associação dos Advogados de São Paulo – AASP.

Línguas: português e inglês.
Ana Carolina Sanchez Saad

Graduada em Direito pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, em 2013.

Pós Graduada em Direito Penal Econômico Internacional pelo Instituto Brasileiro de Ciências Criminais (IBCCrim) e Instituto de Direito Penal Econômico e Europeu (IDPEE) da Universidade de Coimbra, Portugal, em 2014.

Pós Graduada em Direito Penal Econômico pela Fundação Getúlio Vargas, em 2017.

Membro do Instituto Brasileiro de Ciências Criminais (IBCCrim).

Línguas: português e inglês.
Amanda Américo Vieira Passos

Graduada em Direito, pelo Centro Universitário de Brasília - UniCEUB, em 2014.

Línguas: português e espanhol.
Bruna Fernanda Reis e Silva

Graduada em Direito, pela Universidade Presbiteriana Mackenzie, em 2013.

Especialista em Direito Penal e Criminologia, pelo Instituto de Criminologia e Política Criminal (ICPC), em 2015.

Curso de Criminologia, pela Universidade do Porto (PT), em 2012. 

Professora Tutora de Direito Penal, no Complexo Educacional Damásio de Jesus. Membro do Instituto Brasileiro de Ciências Criminais (IBCCrim).

Membro da Comissão de Direito Penal Econômico da OAB/SP.

Publicação: Coautora do artigo “ratio essendi” da antijuridicidade. Livro: Caderno de ciências penais – Reflexões sobre as teorias do tipo. Editora: Novas Edições Acadêmicas, 2014 .

Pós-graduanda em Direito dos Contratos na Escola de Direito da Fundação Getúlio Vargas - FGV.

Línguas: português e inglês.
Maria Clara M. Almeida de S. Martins

Graduada em Direito, pela Faculdade de Direito da Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-RJ), em 2010.

Especialista em Direito Penal e Processo Penal Constitucional, pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-RJ), em 2010.

Mestre em Direito, pela Universidade de Nova Iorque (NYU School of Law), Estados Unidos, em 2013.

Membro do Instituto Brasileiro de Ciências Criminais (IBCCrim).

Línguas: português, inglês e francês.
Bárbara Cláudia Ribeiro

Graduada em Direito, pela Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo (USP), em 2015.

Curso de especialização em Criminologia, pelo Instituto Brasileiro de Ciências Criminais – IBCCRIM.

Membro do Instituto Brasileiro de Ciências Criminais – IBCCrim.

Membro do Instituto de Defesa do Direito de Defesa – IDDD.

Línguas: português, espanhol e inglês.
Felipe Toscano Barbosa da Silva

Graduado em Direito, pela Universidade Presbiteriana Mackenzie, em 2015.

Pós-graduado em Teoria Geral do Delito pelo Instituto Brasileiro de Ciências Criminais – IBCCRIM, em convênio com o Instituto de Direito Penal Econômico e Europeu (IDPEE) da Faculdade de Direito da Universidade de Coimbra, em 2016.

Pós-graduando em Direito Penal Econômico pela Fundação Getúlio Vargas – SP.

Línguas: português e inglês.
Sâmia Zattar

Graduada em Direito, pela Faculdade de Direito da Universidade Presbiteriana Mackenzie, em 2013.

Pós-graduada em Teoria Geral do Crime pelo Instituto Brasileiro de Ciências Criminais – IBCCrim, em convênio com o Instituto de Direito Penal Económico e Europeu (IDPEE) da Faculdade de Direito da Universidade de Coimbra, em 2013.

Pós-graduanda em Direito Penal Econômico pela Fundação Getúlio Vargas-SP.

Integrante do Conselho Editorial do Boletim do Instituto Brasileiro de Ciências Criminais (IBCCrim)

Membro da Associação dos Advogados de São Paulo – AASP.

Línguas: português e inglês.
Patrícia Gamarano Barbosa

Graduada em Direito, pela Faculdade de Direito da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ), em 2013.

Pós-graduada em Direito Penal – Parte Geral pelo Instituto Brasileiro de Ciências Criminais (IBCCrim), em convênio com o Instituto de Direito Penal Económico e Europeu (IDPEE) da Faculdade de Direito da Universidade de Coimbra, em 2016.

Membro do Instituto Brasileiro de Ciências Criminais – IBCCrim.

Curso de Extensão “Delação Premiada”, pela Fundação Getúlio Vargas (FGV-SP), em 2017.

Línguas: português, inglês e francês.
Maria Eduarda M. da Costa B. Concesi

Graduada em Direito, pela Faculdade de Direito da Fundação Getúlio Vargas do Rio de Janeiro (FGV), em 2015.

Especialista em Ciências Criminais e Segurança Pública, pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ).

Extensão CopyrightX, pela Harvard Law School, em parceria com o Instituto de Tecnologia e Sociedade do Rio de Janeiro (ITS – UERJ).

Extensão em Direito e Novas Tecnologias, pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-Rio).

Curso Internacional Cybersecurity and Human Rights, organizado pelo Instituto de Tecnologia e Sociedade do Rio de Janeiro, Hans Bredow Institut da Universidade de Hamburgo, Berkman Klein Center of Internet and Society da Universidade de Harvard, Global Network of Internet and Society Research Centers, Cátedra da UNESCO para Liberdade de Comunicação e Informação na Universidade de Hamburgo e Center of Communication Governance da National Law University, Delhi, em 2018.

Línguas: português, inglês e espanhol.
Julia Rabelo Lage

Graduada em Direito, pela Universidade FUMEC, Belo Horizonte/MG, em 2011.

Pós Graduada em Direito Processual pelo Instituto de Educação Continuada da PUC-MG em 2014.

Mestre em Direito pela Universidade de Georgetown, Washington, Estados Unidos, em 2016.

Idiomas: português, inglês, italiano
Josecleyton Geraldo da Silva

Graduado em Direito, pela Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo (USP), em 2012.

Mestrando em Direito do Estado na Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo (USP).

Línguas: português e inglês.
Mara Lucia Augusto de Oliveira Domingues

Graduado em Direito, pela Faculdade Paulista (UNIP), em 2002.

Pós-Graduada em Direito Público e Privado, pela Faculdade de Direito Prof. Damásio de Jesus, em 2005.

Línguas: português.
Marco Aurélio Cattani

Graduado em Direito, pela Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo (USP), em 1964.

Mestre em Direito, pela Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo (USP).

Curso em Direito Criminal, pela Temple University (EUA) – Instituto de Criminologia da ONU, em 1960.

Curso em História da Arte e Especialização, pelo Institut Catholique de Paris, em 1962.

Línguas: português, italiano e francês.
Caio Ferraris

Graduado em Direito, pela Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo (USP), em 2016.

Pós-graduando em Direitos Fundamentais, pelo Instituto Brasileiro de Ciências Criminais – IBCCrim, em parceria com o Instituto Ius Gentium Conimbrigae (IGC) - Centro de Direitos Humanos da Faculdade de Direito da Universidade de Coimbra.

Curso "Introduction to International Criminal Law”, pela Universidade Case Western Reserve/EUA – Coursera, em 2014.

Membro do Instituto Brasileiro de Ciências Criminais – IBCCrim.

Línguas: português e inglês.
Novo Funcionário

Nascido em 1990.

Graduado na Escola X

Curso em ...

Linguas: Portugues e Inglês.

Maria Luiza C. F. Costa

Graduada em Direito, pela Universidade Federal Fluminense (UFF), Rio de Janeiro, em 2016.

Extensão em Direito e Novas Tecnologias, pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-Rio).

Mestranda em Direito Penal, pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ).

Línguas: português e inglês.
Adriana Novais de Oliveira Lopes

Graduada em Direito pela Universidade Presbiteriana Mackenzie em 2016.

Línguas: português, inglês e espanhol.

Isabella Aimée Carriço Aquino

Graduada em Direito, pela Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo (USP), em 2016.

Pós-graduanda em Processo Penal pelo Instituto Brasileiro de Ciências Criminais – IBCCrim, em convênio com o Instituto de Direito Penal Econômico e Europeu (IDPEE) da Faculdade de Direito da Universidade de Coimbra

Línguas: português e inglês.

Marco Johann Guerra Ferreira

Graduado em Direito, pela Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo (USP), em 2016.

Línguas: português e inglês.

Taisa Carneiro Mariano

Graduada em Direito, pela Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo (USP), em 2016.

Pós-graduanda em Processo Penal pelo Instituto Brasileiro de Ciências Criminais – IBCrim, em convênio com o Instituto de Direito Penal Econômico e Europeu (IDPEE) da Faculdade de Direito da Universidade de Coimbra.

Membro do Instituto Brasileiro de Ciências Criminais – IBCrim.

Linguas: português e inglês.

Bianca Dias Sardilli

Graduada em Direito, pela Faculdade de Direito da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP), em 2009.

Especialista em Direito Penal Econômico, pela Fundação Getúlio Vargas (FGV-SP), em 2013.

Curso de Extensão “Direito e Internet”, no Instituto Internacional de Ciências Sociais (IICS), em 2014.

Curso de Extensão “Delação Premiada”, na Fundação Getúlio Vargas (FGV-SP), em 2016.

Membro do Instituto Brasileiro de Ciências Criminais (IBCCrim).

Linguas: português e inglês.

Ana Paula Peresi de Souza

Graduada em Direito pela Faculdade de Direito de São Bernardo do Campo, em 2012.

Especialista em Direito Econômico pela Fundação Getúlio Vargas, em 2015.

Linguas: português e inglês.

Mariana Souza Barros Rezende

Graduada em Direito, pela Faculdade de Direito da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP), em 2008.

Curso de Extensão em mediação e arbitragem na Faculdade de Direito da Fundação Getúlio Vargas (FVG-SP), em 2009.

Especialista em Direito Processual Civil pela Faculdade de Direito da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP), em 2012.

Mestre em Direito pela Université Panthéon-Assas (Paris II), em contencioso, arbitragem e mediação, em 2015.

Línguas: português, inglês e francês

Gabriela R. Moreira Soares

Graduada em Direito, pela Universidade Presbiteriana Mackenzie, em 2015.

Pós-graduada em Processo Penal pelo Instituto Brasileiro de Ciências Criminais – IBCCrim, em convênio com o Instituto de Direito Penal Econômico e Europeu (IDPEE) da Faculdade de Direito da Universidade de Coimbra.

Pós-graduanda em Direito Penal Econômico pela Fundação Getúlio Vargas-SP.

Membro integrante do Conselho Editorial e pesquisadora de jurisprudência do Instituto Brasileiro de Ciências Criminais – IBCCrim.

Linguas: português e inglês.

Arianne Câmara Nery

Graduada em Direito pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-Rio), em 2010

Extensão em Advocacia Criminal, pela Escola Superior de Advocacia (ESA), em 2010.

Extensão em "Políticas de Drogas no Brasil", pela Escola da Magistratura do Estado do Rio de Janeiro (EMERJ), em 2012.

Pós-graduada em Ciências Criminais e Segurança Pública, pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ), em 2013

Pós-graduada em Ciências Penais, pela Universidade Anhanguera - UNIDERP (Rede de Ensino LFG), em 2014.

Mestranda em Direito Constitucional e Teoria do Estado, pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-Rio), desde 2016.

Pesquisadora integrante do Grupo de Pesquisa sobre Liberdade de Expressão (PLEB), da Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-Rio), desde 2016.

Línguas: português, inglês, espanhol e francês.

Felipe Padilha Jobim

Graduado em Direito pela Faculdade Nacional de Direito da Universidade Federal do Rio de Janeiro, em 2014.

Pós-graduando em Processo Penal e Garantias Fundamentais pela Academia Brasileira de Direito Constitucional.

Pesquisador do Grupo Matrizes Autoritárias do Processo Penal - Prova Penal e Sistema de Controles Epistêmicos, da Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Línguas: português e inglês
Bruna Leandro Coleto

Graduada em Direito, pela Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo (USP), em 2017.

Línguas: português e inglês
Felipe Vanderlinde Schiavon

Graduado em Direito, pela Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo (USP), em 2017.

Línguas: português e inglês.
Alexys Campos Lazarou

Graduado em Direito, pela Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo (USP), em 2017.

Membro do Instituto Brasileiro de Ciências Criminais – IBCCrim.

Línguas: português e inglês.
Thaísa de Souza e Silva

Graduada em Direito, pela Faculdade de Direito da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ), em 2017.

Extensão em Direito e Novas Tecnologias, pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-Rio), em 2017.

Línguas: português e inglês.
Thaísa de Souza e Silva

Graduada em Direito, pela Faculdade de Direito da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ), em 2017.

Extensão em Direito e Novas Tecnologias, pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-Rio), em 2017.

Línguas: português e inglês.
Amanda Ferreira de Souza Nucci

Graduada em Direito, pela Fundação Armando Alvares Penteado (FAAP-SP), em 2011.

Pós-graduada em Direito Penal pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP), em 2014.

Mestranda em Direito Penal pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP).

Línguas: português e inglês.
Renato Guimarães Rodrigues

Graduado em Jornalismo, pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC), em 2011.

Graduado em Direito, pela Universidade Presbiteriana Mackenzie, em 2017.

Línguas: português, espanhol e inglês.
Vitor Tatit Ferraz

Graduado em Direito, pela Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo (USP), em 2017.

Línguas: português e inglês.
Flávia Cardoso Campos Guth

Graduada em Direito pelo Centro Universitário de Brasília, UniCEUB, em 2003;

Pós-Graduada em Direito Processual Civil pelo Centro Universitário de Brasília, UniCEUB, em 2005. Professor orientador Ministro Gilmar Ferreira Mendes. Titulo: Coisa julgada inconstitucional e a limitação temporal para a propositura de ação rescisória;

Membro do grupo de pesquisa Sistemas Penais Econômicos, coordenado pelos professores André Luís Callegari e Marcelo Turbay, no Instituto Brasiliense de Direito Público – IDP, em 2018;

Curso de extensão em improbidade administrativa pelo Grupo Alcance, em 2018;

Membro fundadora da Associação Elas Pedem Vista, criada por 11 mulheres advogadas para debater, difundir, fortalecer e aumentar a participação feminina no direito, desde de 2017;

Curso de extensão em direito administrativo (concessões e contratos públicos) pelo Grupo Alcance, em 2017;

Curso de extensão em direito constitucional (controle de constitucionalidade e interpretação constitucional) pelo Grupo Alcance, em 2017;

Curso de Extensão em Direito Público, pelo Instituto Brasiliense de Direito Público IDP, em 2016;

Línguas: português e inglês.
Beatrice Lourenço Lima

Graduada em Direito pela Faculdade de Direito da Universidade Presbiteriana Mackenzie, em 2015. Pós-Graduanda em Direito Empresarial, pela Fundação Getúlio Vargas.;

Línguas: português e inglês.
Natália Cristina Benicio

Graduada em Direito pela Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo (USP), em 2015.

Cursa especialização em Direito Processual Civil pela Associação dos Advogados de São Paulo (AASP), em convênio com a Universidade de São Paulo (USP).

Línguas: português e inglês.
Joseph Harry Eloi Gaillardetz Neto

Graduado em Direito pela Faculdade de Direito da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC/SP), em 2016.

Pós-Graduando em Direito e Tecnologia da Informação pela Universidade de São Paulo.

Línguas: português e inglês.
Juliana Fernandes Costa

Graduada em Direito pela Faculdade Nacional de Direito da Universidade Federal do Rio de Janeiro (FND/UFRJ), em 2014.

Extensão em Direito Internacional Humanitário pela Organização das Nações Unidas (UNITAR/ONU), em 2014.

Pós-Graduanda em Processo Penal e Garantias Fundamentais pela Academia Brasileira de Direito Constitucional (ABDCONST).

Pesquisadora do Grupo Matrizes Autoritárias do Processo Penal Brasileiro, da Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Membro do Instituto Brasileiro de Ciências Criminais – IBCCrim.

Línguas: português e inglês.
Cláudio Mauro Henrique Daólio

Graduado em Direito, pela Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo (USP), em 1999.

Mestre em Direito Processual Civil, pela Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo (USP), em 2007, com a dissertação Mandado de Segurança: Análise Processual, Sob o Prisma da Efetividade da Tutela Jurisdicional.

Doutor em Direito Processual Civil, na Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo (USP).

Cursou especialização em Direito Processual Civil, no Centro de Extensão Universitária (CEU).

Membro do Instituto Brasileiro de Direito Processual e da Associação dos Advogados de São Paulo.

Autor de artigos em matéria processual em publicações especializadas.

Línguas: português e inglês.
Antônio Sergio Altieri de Moraes Pitombo

Graduado em Direito, pela Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo (USP), em 1993.

Especializado em Direito Processual Civil, pelo Centro de Extensão Universitária, em 1994.

Mestre em Direito Penal, pela Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo (USP), em 2000, com a dissertação A tipicidade do crime antecedente no delito de lavagem de dinheiro.

Doutor em Direito Penal, pela Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo (USP), em 2007, com a tese A Tipificação da Organização Criminosa.

Pós-Doutor em Democracia e Direitos Humanos – Direito, Política, História e Comunicação pelo Ius Gentium Coninbrigae da Faculdade de Direito da Universidade de Coimbra.

Autor da obras:
 Lavagem de dinheiro: a tipicidade do crime antecedente. São Paulo: Editora Revista dos Tribunais, 2003.
Organização Criminosa - Nova perspectiva do tipo legal. São Paulo: Editora Revista dos Tribunais, 2009.
20 Anos, Liberdade – Duas décadas de escritos sobre advocacia, prisão e liberdade São Paulo: Editora Singular. 2015

Coordenador dos livros coletivos: Juizados especiais criminais: interpretação e crítica. São Paulo: Editora Malheiros, 1997; e Comentários à Lei de Recuperação de Empresas e Falência. São Paulo: Editora Revista dos Tribunais, 2005.

Autor de vários artigos em jornais, revistas e coletâneas especializadas em direito e processo penal.

Membro do Instituto dos Advogados Brasileiros (IAB), do Instituto Brasileiro de Ciências Criminais (IBCCrim); do Instituto Manoel Pedro Pimentel, ligado ao Departamento de Direito Penal, Criminologia e Medicina Forense, da Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo; da National Association of Criminal Defense Lawyers; da Association Internationale de Droit Pénal; e da Association Internationale des Avocats de la Défense.

Línguas: português e inglês.

Site Pessoal